Jonh Holt e o ensino doméstico

John Caldwell Holt (1923 – 1985) autor e educador americano defendeu uma educação escolar doméstica, no âmbito duma abordagem não escolarizada. Foi um defensor dos direitos da juventude.

Depois de um período de seis anos como professor de ensino fundamental na década de 1950, Holt escreveu o livro How Children Fail (1964), que catalogou os problemas que ele viu no sistema escolar americano. Ele continuou com How Children Learn (1967). Ambos os livros foram populares e deram início à carreira de Holt como consultor de escolas americanas. Na década de 1970, ele decidiu que tentaria reformar o sistema escolar e começou a defender o ensino doméstico e, mais tarde, a forma de ensino domiciliar conhecida como desescolarização. Ele escreveu um total de 11 livros sobre o tema da escolaridade, além de dar início ao boletim Growing Without Schooling (GWS).

Enquanto ensinava, Holt passou a acreditar que os alunos em sua sala de aula, apesar de muitas vezes serem inteligentes e de origens ricas, eram mais tímidos e inseguros do que os bebês e crianças pequenas de suas irmãs e amigos.

Desiludido com o sistema escolar convenceu-se que eram necessária uma reforma do sistema escolar e que essa reforma não possível, pelo que passa a defender o ensino doméstico. O boletim informativo Growing Without Schooling de Holt, fundado em 1977, foi o primeiro boletim informativo de educação doméstica da América. Ele também montou a Livraria John Holt, que disponibilizou livros selecionados pelo correio. Isso gerou receita adicional que ajudou a sustentar o boletim informativo, que trazia muito pouca publicidade.

O livro de Holt sobre educação em casa, Teach Your Own, foi publicado em 1981. Ele parte duma reflexão sobre as suas práticas educativas, o que o leva a fazer alterações no ambiente, para criar confiança dos seus alunos, reformula o processo de ensino (dando menor relevância às classificações) e procurando trabalhar sobre conceitos e resolução de problemas centrado nos alunos. Entre outras questões foi pioneiro na busca de soluções alternativas ao ensino obrigatório, desenvolvendo o ensino doméstico para o qual criou um sistema de documentação com base numa livraria. O boletim Growing Without Schooling é publicado a partir de 1977. Aborda também a educação de adultos, o que leva a expandir o acesso de pais à educação dos seus filhos em ambiente doméstico.

%d blogueiros gostam disto: