Categorias
Leituras

Desconfinamento dos Museus e Lugares patrimoniais

A hora da verdade aproxima-se. Dentro de alguns dias os museus e lugares patrimoniais irão reabri as portas ao público. Simbolicamente foi escolhido o dia 18 de Maio, dias Internacional dos Museus. Talvez seja de fazer deste dia um dia de festa para pensar o futuro. E ainda que seja 2ª feira, dia tradicional de descanso, talvez valha a pena celebrar o trabalho da cultura e negociar com os sindicatos as necessárias compensações laborais (par aqueles que as mantiveram) e mostrar solidariedade com todos aqueles que viram os seus rendimentos afetados.

Com elas virão os novos desafios de enfrentar a pandemia com s novas exigências sanitárias para garantir a possível segurança dos funcionários dos equipamentos e dos seus visitantes.

Recentemente a APOM publicou uma Carta que endereçou para o Ministério da Cultura com um conjunto de questões que apresentam alguma pertinência.

A saber:

A mais relevante delas todas será o uso de equipamentos de proteção individual e dos equipamentos. Se o uso das mascaras, como todos já entendemos, passará a ser um adereço pessoal, mas haverá que acautelar o seu uso por parte dos visitantes (será necessário tornar obrigatório o seu uso dentro do espaço do museu. Os potnos de contato entre publico e funcionários tem que ser repensados, assim como bares, lojas e instalações sanitárias (que necessitaram de uma maior higienização). Ou seja mais recursos alocados. Estarão os museus nacionais preparados para isso. E como sabemos, aquilo que for recomendação para os museus nacionais será muito provavelmente seguido pelos municípios.

Faltam duas semanas para isso. Haverá que pensar ainda que todos os trabalhadores deverão ser alvo de ações de sensibilização para a nova situação. Não há pois muito tempo.

As outras questões que a APOM levanta, são também pertinentes no imediato e no médio prazo.

No imediato:

  1. Alguns museus, por exemplo, tem ou virão a ter problemas com fornecedores de água e energia (sem receitas ou de portas fechadas, os orçamentos não sobrevivem).
  2. Alguns museus, talvez mais municipais e alguns nacionais, terão também problemas com os espaços. Dificilmente as velhas áreas expositivas permitirão as novas regras de segurança. Pois há que fazer estas avaliações, entre espaços que podem ser abertos e outros que devem permanecer de acesso condicionado ou interdito.
  3. Embora no curto prazo seja previsível que não haja visitas de grupos escolares e os grupos de turista sejam ainda escassos, vale a pena disponibilizar algumas linhas de orientação sobre espaços de visitação e, eventualmente fazer uma “task force” para ajudar os museus na adaptação desta nova realidade, que é a circulação dos visitantes em segurança pelos espaço e o uso de equipamentos (por exemplo todos os equipamentos interativos).

Se as questões de curso prazo são relevantes, as de médio prazo, como por exemplo a continuidade dos projetos implica uma reavaliação da sua relevância, conformidade com a nova situação. É sabido que são vários os interesses em jogo e aí se vai jogar a capacidade de liderança do setor cultural.

Finalmente o desafio que tem vindo a ser enunciado, o da digitalização. Há que fazer o balanço dessas experiências e trocar ideias para recolher ensinamentos.

Como sempre ganhará a liderança dos processos quem neles se envolver. Aqui o desafio para os nossos obsoletos serviços de cultura é o de saber se existe capacidade de resposta para este tipo de serviços à comunidade cultural.

A APOM, ao saber enunciar e reunir um conjunto de questões relevante parece estar bem posicionada para ser um parceiro relevante neste processo.

Será que os seus apelos serão ouvidos?

Por Pedro Pereira Leite

Dinamizador do Museu Educação Global e Diversidade Cultural
Museu Afro Digital - Portugal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.