Categorias
Sem categoria

Mulheres com Chama

Viajo de 7place de Canchungo para São Domingos com o objetivo de ir conhecer a Cachupa da Manaqueta. Apertado, no banco de trás, entre duas muçulmanas que me oferecen laranja e agua nuns saquinhos de plástico. Paragem em Ingore e abasteco me com caju. Ckmpro uns bolinhos de mandioca e sigo.

Ao chegar a São Domingos desço na bomba de Gasolina e faco um repasto duma Cachupa rica. O restaurante da Manaqueta é conhecido como um dos melhores da zona.

A caminho da cidade paro no campo para vet o jogo de futebol entre o Sao Domingos e Ingore. Uma espécie de Porto Braga da Guiné. Duas equipas rivais. Um campo fechado, onde se paga 25 francos para entrar, com gente apinhada numa bancada rustica. Em cima das árvores. Os jovens arrastam a asa. A meninas olham smde soslaio. Eles vão atrás com olhar se Carneiro mal morto.

De subito golo. Adeptos correm atras do marcador. A polícia atrás dos adeptos. O marcador fogem dos adeptos e da polícia. Acaba em empate.

Fechamos a noite no Otavio. O Porto joga com o Benfica Há mulheres com garra. Mais mulheres do que homens. Comemos uns camarões. A jogo vai começar. Elas gritam, saltam São adeptas dos dragões. A sala vibra.

O futebol reune toda a gente. E um rasto de cultura.

Série Crónica da Guiné XXX

Por Pedro Pereira Leite

Dinamizador do Museu Educação Global e Diversidade Cultural
Museu Afro Digital - Portugal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.