Tiná Silá mulher africana (Crónica da Guiné XXII)

Dia 30 de janeiro há tolerância de ponto para as mulheres guinenses. Foi neste dia que Tina Sila, combatente do PAIGC , que morreu em combate em 1973, quando atravessava o rio Farim, no norte da Guiné. A questão esta pouco reconhecida na sociedade. A tolerância de ponto e isso mesmo, uma tolerância, que éContinuar lendo “Tiná Silá mulher africana (Crónica da Guiné XXII)”