Categorias
Leituras

Mashunamu Na Uhuro

Arte Makonde e História Política de Moçambique (1950-1974) de Lia Laranjeira

Publicado pela editora Intermeios, em Maputo que descobri na velha Livraria Minerva em Maputo, é uma publicação da tese de doutorado no programa de pós-graduação de História Social da Universidade de São Paulo.

É um livro interessante na medida em que faz uma leitura extensa e com sentido crítico do fenómeno da escultura Maconde em Moçambique. Aborda a pesquisas feita no tempo colonial a partir dos trabalhos do Museu de Nampula e das Campanhas do Antropólogo Jorge Dias nos anos sessenta.

Aborda ainda a questão social dos produtores de esculturas, na sua relação com a história social do grupo dos macondes, nos seus trânsitos de enfrentamento e resistência ao estado colonial. Aborda ainda o ativismo dos maconde no âmbito da guerra de libertação, a partir da Tanzânia.

Já no final aborda muito sucintamente questão simbólica do uso da escultura maconde como elemento identitário do Moçambique livre.

Por Pedro Pereira Leite

Dinamizador do Museu Educação Global e Diversidade Cultural
Museu Afro Digital - Portugal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.